Dê a sua opinião.
Considera que existem mais coelhos bravos que o ano passado?
 Sim
 Não
» » Projetos

 Projeto: Natura 2000 «A Gestão do Nosso Património»
Criação de uma rede que desempenhará um papel chave na preservação dos recursos naturais.
 
 Projeto: A Rede Natura 2000 e as Florestas: «Desafios e Oportunidades»
Pretende clarificar o papel das florestas e da silvicultura na rede ecológica Natura 2000, a fim de facilitar a aceitação desta rede entre os operadores florestais.

 

 

Projeto: Eurocolumba

No quadro de um programa franco-hispano-português, o GISF França (Grupo de Investigação sobre a Fauna Selvagem), a Federação de Caçadores de Euskadi e a AFN (por proposta da CNCP), seguem oito pombos-torcazes com o auxílio de “balizas” Argos (transmissores via satélite alimentados a energia solar, com 12 gramas, e que permitem localizar, a qualquer momento, os pombos equipados com as mesmas).

As “balizas” têm uma duração média de vida de 3 a 5 anos.

As aves equipadas com estas “balizas” em Portugal, num total de três, foram capturadas no concelho de Grândola e denominadas de: Sado, Aniza e Grosso.

Através do relatório de seguimento das aves podemos verificar onde se encontram e que percurso fizeram ao longo da sua rota migratória, assim como a altura em que saíram de território português.
Uma primeira constatação é de que em 19 de Março os três pombos equipados ainda se encontravam em território português.

Estes dados são de capital importância para o conhecimento do início do período de migração pré-nupcial e determinação, com base científica, do período de caça a esta espécie, corrigindo dúvidas colocadas pelo Comité ORNIS (instituição da Direcção-Geral de Ambiente da Comissão Europeia) quanto ao início da migração pré-nupcial – data a partir da qual, de acordo com a Directiva Aves, não é permitido o exercício da caça à espécie – e que condiciona o encerramento da caça ao pombo-torcaz.


 Relatório de Seguimento Nº 5

 Relatório de Seguimento Nº 6

 Relatório de Seguimento Nº 7

 Relatório de Seguimento Nº 8

 Relatório de Seguimento Nº 9







 


© 2017 Federação de Caça e Pesca da Beira Interior |
Desenvolvido por Assec Sim!