Dê a sua opinião.
Considera que existem mais coelhos bravos que o ano passado?
 Sim
 Não
» » » A Perdiz

 

Perdiz 

 

Rainha da caça menor por excelência, a perdiz é um dos mais belos exemplares da nossa fauna.
Essencialmente Ibérica e de algumas zonas de França, Itália e de Inglaterra é uma espécie única na Avifauna Mundial.
Pela sua relativa abundância, em quase todo o território nacional, e pelo seu comportamento, selvagem e fugidio, é provavelmente a espécie cinegética mais apreciada pelos caçadores ibéricos e de todo o mundo. As perdizes são também a presa principal da maioria dos grandes predadores da Península.
 
 
 
Distribuição
  • As perdizes desta espécie podem ser encontradas no sul da Europa, Portugal, Espanha, França e Itália para além destas zonas, também ocorre nas ilhas britânicas.
  • Em Portugal encontra-se distribuída por todo o território continental, podendo ser encontrada no meio da vegetação rasteira, em bandos de cerca de 10/15 indivíduos.
  • Os locais onde mais facilmente se encontra são o Alentejo e o Nordeste Transmontano. 
  • Esta pequena ave não é, por natureza, muito boa a voar, necessitando de bastante espaço para correr, fazendo depois pequenos voos rasantes, a baixa altura, para chegar a locais onde a vegetação seja mais densa e se sinta mais protegida dos predadores.
 
Alimentação
  • Muito resistente, alimenta-se de sementes e minhocas que encontra enquanto raspa com as suas patas.
 
Reprodução
  • São aves muito territoralistas, tendo o macho do grupo de afastar outros machos, durante a época da reprodução. A perdiz põe em média 12 ovos, que demoram cerca de 23 dias a eclodir, nascendo depois os perdigotos, que nessa fase são essencialmente insectívoros.
 
Tamanho
  • As perdizes podem atingir os 35cm.

© 2017 Federação de Caça e Pesca da Beira Interior |
Desenvolvido por Assec Sim!