Dê a sua opinião.
Considera que existem mais coelhos bravos que o ano passado?
 Sim
 Não
» » » O Coelho Bravo

 

O Coelho Bravo

 

O coelho é uma das espécies cinegéticas de pêlo, de maior importância e bastante apreciada pelos caçadores portugueses. Era, até meados do século passado, muito abundante em toda a Península Ibérica, pois a sua fácil e rápida reprodução gerava elevadas  populações. A diminuição das populações deste lagomorfo na Península Ibérica deve-se a uma série de factores: propagação de
doenças; competição com herbívoros de maior porte; elevada densidade de predadores generalistas (raposa, saca-rabos e javali); acção do Homem e o abandono do uso tradicional do solo e seu cultivo.

 

Distribuição
  • Este animal pode encontrar-se disseminado na Europa, África, Ásia, América, Austrália e Nova Zelândia.
  • Em Portugal, pode ser observado em praticamente todo o território.
 
Protegido
  • Como espécie cinegética têm sido criadas reservas onde a espécie fosse protegida.
  • Durante longos períodos do ano, a sua caça é proibida sendo essa proibição acatada pelos caçadores conscientes da necessidade de proteger a espécie.
  • A febre hemorrágica viral tem sido outro dos factores de desaparecimento desta espécie, em alguns locais. Gostam de viver em grupos, que podem atingir os 30 elementos, mas quando o perigo espreita, fogem desorganizadamente, cada um para seu lado, tentando encontrar arbustos densos, que garantam alguma protecção.
  • A sua cor característica cinzento acastanhado, é uma forma de camuflagem importante para se proteger. O coelho bravo gosta de viver em zonas de erva alta onde se pode proteger dos predadores naturais, e assim alimentar-se em relativa segurança.
 
Reprodução
  • A sua reprodução é fácil e frequente, tendo o seu ponto forte no início da Primavera.
 
Tamanho, Peso e Longevidade
  • Os coelhos bravos pesam entre 1,5 e 2,5 kg, medem cerca de 40 cm e podem viver cerca de 9 anos.

© 2017 Federação de Caça e Pesca da Beira Interior |
Desenvolvido por Assec Sim!